Funcionamento do comando de voz da central multimídia da Frontier 2019

Conheça melhor esse fascinante recurso e nunca mais deixará de usá-lo. Toda a facilidade do comando de voz da Frontier.

O sistema multimídia da Frontier argentina 2019 é um dos mais modernos já lançados no Brasil.

Produzido pela Bosch da Alemanha, numa nova divisão criada pela Bosch e Mercedes-Bens exclusivamente para o desenvolvimento de modernas centrais multimídias para automóveis, esta unidade foi criada em conjunto com a Nissan para ser aplicada neste modelo especificamente.
Ela engloba tecnologias que estão sendo aprimoradas pela Bosch para dar um salto de qualidade nas atuais centrais hoje existentes no mercado, com um sistema de navegação GPS muito rápido e de alta sensibilidade, que localiza os satélites e consegue recebê-los instantaneamente e com um sinal bastante forte. O navegador é muito preciso e bastante rápido nos cálculos de rotas. É realmente impressionante.

O sistema de som fornece uma qualidade de áudio de alto nível, que aproveita bem os tweeters instalados no sistema de alto-falantes. O som é puro, sem distorções, e com uma extensão bastante generosa dos graves e agudos. Quando bem ajustado, fornece uma qualidade de áudio bastante interessante para um equipamento automotivo.
Em todas as caminhonetes que já tive, uma das primeiras coisas que fiz foi substituir o sistema multimídia original por um modelo da Kenwood, que apresenta uma qualidade de áudio excelente (muito superior aos modelos da Pioneer) e incorpora o sistema de navegador da Garmin, que considero o melhor do mercado. Esta é a primeira vez que decidi não trocar a central original, pois a sua qualidade realmente me surpreendeu.

Mas, além de outros recursos como a câmera de ré de excelente definição, o emparelhamento instantâneo (o mais rápido que já vi até hoje) com celulares (o sistema Android Car é o mais perfeito que já tive oportunidade de testar, fácil e rápido de usar), a central multimídia da Frontier traz ainda o recurso de operação por voz, que é justamente o objetivo deste tópico.

Primeiro confirme se o modelo de sua central é realmente o indicado na foto abaixo:

Central multimidia da Nissan Frontier

O sistema de reconhecimento de voz é muito funcional. No início, quando comecei a usá-lo, em algumas raras vezes ela não reconheceu alguns comandos, mas na segunda tentativa ele já funcionava. Parece que ele dispõe de um sistema adaptativo a cada voz e modo de falar, porque hoje ele reconhece com perfeição todos os comandos, e tudo de forma instantânea.

Para acionar o sistema de comando de voz, basta apertar um botão que se encontra no volante, junto aos comandos do sistema de controle automático de velocidade do veículo (chamado por muitos de “piloto automático”). O referido botão pode ser visto na foto abaixo:

Basta um toque nesse botão e uma voz será ouvida solicitando o comando desejado. Basta dizer a função desejada para que ela seja imediatamente executada. Simples assim !

Quando esse botão é acionado, o som da central é interrompido, a voz entra solicitando a função desejada e o indicador de funcionamento do sistema de voz é indicado na tela.
Na página 7-6 do Manual do Sistema Multimídia (que pode ser obtido impresso junto a Nissan ou baixado no site da montadora), temos o início de uma longa lista de comandos interpretados pela unidade, dentre eles:
Ligar <nome do contato> : Basta dizer: “Ligar Fulano” e ele irá realizar uma ligação para o contato da lista de seus contatos com este nome
Ler Texto: A central irá ler e repetir em voz o texto da mensagem recebida (diversos ajustes de voz são possíveis para adequá-la ao seu gosto)
Basta dizer “Ligar Casa” ou “Ligar Trabalho” para encurtar o caminho para ligar para estas duas localizações.
Até enviar textos é possível apenas com o comando de voz.

São muitas funções disponíveis para o telefone. Para o navegador a lista é ainda mais longa, e incluem facilidades como poder dizer o endereço desejado e assim a central realizar a busca e iniciar a navegação, sem precisar pressionar qualquer tecla. Basta dizer “Endereço” e em seguida dizer o endereço desejado.
É possível simplificar dizendo “Navegar Para” dizendo em seguida um ponto de interesse desejado (nome de uma loja, praça, empresa, restaurante, posto de combustível, etc.), ou simplesmente dizer “Ir Para Casa” para ele programar a rota e começar a dar as instruções para se chegar em casa. Ou simplesmente dizer “Trabalho” para o navegador já iniciar a rota para o seu escritório.
Dizendo “Centro da Cidade”, o sistema já entenderá que você quer acionar a navegação para chegar ao centro da cidade onde se encontra.
Se você perguntar “Onde Estou?”, receberá todas as informações da localidade onde se encontra.

Ainda, em relação à navegação, você pode acessar praticamente tudo por voz, sem nunca precisar acessar qualquer controle manual. Assim funções para localizar categorias de pontos de interesse, listar últimos destinos, cancelar percurso, ampliar ou diminuir o mapa na tela, dividir a tela, mostrar a tela em 2D ou 3D, repetir instrução, desligar ou ligar o guia de voz, mostrar mapa ao nível da rua, alterar sentido de marcha, etc. fazem parte da longa lista de funções disponíveis.

Na parte de comando de áudio é possível selecionar a rádio FM ou AM, escolher a estação de rádio, selecionar as músicas inclusive pelo nome do cantor ou da música (ou até gênero), ou simplesmente dizer “Tocar Músicas” ou “Tocar todas as Músicas” para ouvir todas as músicas em seu pendrive.

São muitos comandos, e vale a pena consultar o manual para conhecê-los em detalhes.

Você pode iniciar o sistema dizendo a categoria desejada ou a função diretamente. Ao selecionar a categoria, todos os comandos possíveis são listados, bastando apenas escolher um deles.
Ele já reconheceu comandos que eu disse e que não estavam na lista, mostrando que o sistema tem um sistema inteligente capaz de “entender” algumas coisas diferentes que dizemos.
Em vez de dizer “Ir para Casa” para o navegador ligar e começar a fornecer a rota, eu já disse “Navegar para Casa” e ele funcionou da mesma forma. Este comando não está na lista.

O manual diz que para acessar uma estação de rádio pode-se dizer uma frequência específica como na forma: “nove nove vírgula dois”. Mas nosso amigo Ciro informou que ele costuma dizer, por exemplo, “noventa e nove vírgula dois” e ele reconhece. Testei aqui e realmente funciona.
Isso mostra que a capacidade de reconhecimento e do vocabulário disponível é realmente bem grande.

Se houver qualquer problema com o comando desejado, você será informado também por voz, e é possível voltar telas, adiantar telas, pedir ajuda, mudar definições, tudo também por voz, apenas conversando com a central sem desviar a atenção da estrada.

Procure sempre dizer o comando em voz com boa dicção, se bem que algumas vezes digo de forma relaxada e ele entende do mesmo jeito. O ideal é ter pouco ruído dentro do veículo, sem gente conversando, por exemplo. Mas, curiosamente, ele tende a ignorar comandos de outros passageiros dentro do veículo, como se o captador de voz (que não descobri ainda onde fica – estou desconfiado que junto ao sistema de luzes do teto) fosse seletivo em relação à posição do motorista.

Depois que você se acostuma com ele, acaba preferindo fazer tudo por voz, sem distrações e sem tirar os olhos da estrada.
É muito interessante. Vale a pena usar este recurso.

Espero ter ajudado os colegas a entenderem melhor o uso deste recurso, e vamos trocando figurinhas para melhor conhecermos todos os recursos do sistema.

Abraços a todos.

 

Atualização:

Uma informação interessante do sistema multimídia do modelo 2019… li que o problema de liberação de algumas funções não são por falta de uma autorização da Anatel, mas do próprio Contran, Denatran ou algo assim.
O sistema foi homologado como de entretenimento, e não de controle de operação de funções do veículo.

Descobrimos que esse sistema é o mesmo que equipa os veículos da Mercedes-Benz. Como houve uma parceria com a Mercedes para desenvolvimento de várias partes da Frontier (controle de estabilidade, sistemas eletrônicos, multimídia, bancos, etc) varias destas partes são compartilhadas, para a nossa sorte, e o sistema de controle de voz é o mesmo.
Este sistema foi introduzido somente agora no modelo lá fora (enfim saímos na frente em alguma coisa), e lá é possível controlar diversas funções do veículo, como abrir o teto solar, ligar faróis, controlar o ar-condicionado, etc.
Disseram que a Nissan vai liberar uma atualização do sistema para incluir essas funções, mas há um empecilho qualquer com os órgãos de trânsito (coisas de nossa república de bananas).

Para quem não conhece, na nossa Frontier temos que apertar uma tecla no volante para habilitar a função. Mas, há a possibilidade de configurar a unidade para aceitar os comandos depois de dizer algo como “Olá Frontier”, mas esta função também está desabilitada na unidade nacional.
Se realmente liberarem tudo isso, vai saber, tudo aqui nesse país é complicado, vai ser bem legal. Hoje dá para operar telefone, GPS, som, rádio etc tudo com voz. Isso ajuda muito. Teremos um vídeo demonstrativo, e nele veremos que existem novas funções e atalhos que não estão no manual.

No vídeo que circulou no grupo de whatsapp dá para ver o sistema da Mercedes vendida aqui que curiosamente usa a mesma voz utilizada na Frontier:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*